Rádio Manifesto Norte - O espaço da musica independente.

quinta-feira, 31 de maio de 2012

TUDO COMO VIER COM A OLHOS IMACULADOS




Falar do rock amazonense sem citar a OLHOS IMACULADOS é a maior idiotice que se pode cometer com cenário local, já que a banda existe desde o primeiro semestre de 1997, e vinga até hoje fazendo shows e participando de festivais como o FUM/festival universitário de música nos anos de 2000,2001 e 2003, além de ter sido uma das principais atrações do maior festival de rock que já existiu na cidade, ou seja, o FRONTEIRA NORTE FESTIVAL DE ROCK, que até os dias de hoje é lembrado com saudosismo.
A banda tem uma musicalidade bastante peculiar, pois quem é que pode descrever o que se passa na mente do vocalista Edilson Seta e do seu fiel escudeiro, amigo e baterista Ciro Jamil, que são os remanescentes de várias formações, e principais fundadores da banda, que em sua formação atual hoje conta com o guitarrista Euclydes Brasil ex-guitarrista da banda Dexter Chapado. Você não pode afirmar que a banda é punk, blues, gótica ou outro gênero musical, mas é fácil entender que a Olhos Imaculados é o mais puro ROCK N’ ROLL que existe!
Juntando performances teatrais e declamação de poesias, o som da Olhos Imaculados encanta e transmite energia, entra na cabeça e não sai mais trazendo assim um clima de psicodelismo a nossa cena tão escassa de reações, já que não temos tido muitas AÇÕES ultimamente, por isso bandas como a Olhos Imaculados foram e são muito importantes para o cenário local, influenciando novas bandas e resgatando o bom e velho estilo de vida rock.
A primeira vez que fui a um show da Olhos Imaculados, eu não sabia se ficava prestando atenção nas letras e na performance do Seta ou se entrava na roda de “polgue” que se abria ao meu redor, pois é difícil ficar parado ouvindo “que a cerveja amargue a garganta, e meus olhos fiquem vermelhos, que os cretinos se aborreçam e essa noite nunca se acabe...” essa sem dúvida é uma das melhores músicas do cenário local e mesmo nacional, hoje repleto de músicas caretas, infantis, pornográficas e sem sentido cantadas e ouvidas por aqueles que ainda não provaram o gosto do sexo, do contado físico, das loucuras e de quebrar os moldes da sociedade conservadora babaca que insiste em implantar e ditar leis e tendências, por isso ouço até hoje a Olhos Imaculados.
Outra grande virtude da banda são as atividades de conscientização social e cultural como a distribuição de preservativos DST/AIDS/SEMSA. E mesmo pelo vocalista Seta e o baterista Ciro Jamil que não negam um convite para um show improvisado, um festival, uma apresentação simples, uma festa rock ou mesmo uma boa Jam, eles sempre estão dispostos a tocar e levar a sua arte aos diversos pontos da cidade sem aquela frescura de reparar som, público, horário e outras exigências que muitas bandinhas que não são nem metade do que é a Olhos Imaculados, e se acham mais importantes, bandas de grife, de filhinhos de papai e de falsos malucos que só querem ter uma banda para conquistarem mulheres, mas o rock não é isso, é muito mais além do que se vê, basta enxergar e ouvir o que faz a OLHOS IMACULADOS em todos esses anos de carreira, e muita carreira mesmo em todos os sentidos da palavra.
A banda lançou no dia 23 de junho de 2001 o cd demo chamado A CIDADE EM LETARGIA que talvez você ainda encontre com o vocalista Seta, caso não consiga e queira fazer uma viajem musical é só assistir a um show da banda e presenciar O EXTRAORDINÁRIO que virou música de outra grande banda local chamada ESPANTALHO “...  o Seta embriagado se jogando de um palco espantalho vivo te chamando pra correr...” narrando o famoso voo da morte do vocalista Seta que ao cair do palco do festival de música da UFAM, gritou o nome de TUPÃ caindo sem se machucar e entrando mata adentro correndo e cantando sem sofrer nenhum arranhão... Lenda? CELO SUPREMO RELES SIMPATIA!
Isso é apenas mais uma das facetas da banda OLHOS IMACULADOS, pois tudo pode vir como vier!


Um comentário:

  1. Adoro a banda, conheci através do meu marido, o próprio autor do texto, que sempre me levava aos shows...abraços a todos da banda.

    ResponderExcluir